Série “É Festa!” :: Festas Pré-Casamento :: Despedida de Solteira – Parte I

O primeiro post dessa série explica as diferenças entre as principais festas pré-casamento que são realizadas atualmente. Mas, a mulherada escolheu lá no Instagram e eu estou aqui para falar da festa pré-casamento mais animada: a Despedida de Solteira. Uhuuuuuu….Como não lembrar do clássico filme “Se Beber Não Case”, em que loucuras são feitas e esquecidas pelos excessos de alegria que a noite proporciona. E é isso mesmo! A Despedida de Solteira é animada por si só e merece trazer toda essa alegria para o dia que antecede a noiva virar uma “senhora casada”.

A primeira parte dessa série vai trazer ideias de temas criativos para esse dia especial. Mas, antes, vale umas dicas boas para quem está nessa missão:

1. Quando fazer?
Uma despedida de solteira costuma deixar estragos no dia seguinte, tanto para as noivas, quanto para as convidadas: noite perdida, álcool, gritaria, confusão…tudo isso pode deixar as pessoas uns bagaços. Por isso, nada de fazer a despedida de solteira na semana do casamento, muito menos na véspera. O ideal é realizar no mínimo 30 dias ou no máximo 15 dias antes do casamento. A reta final costuma ser uma loucura para a noiva, então melhor fazer quando ela ainda tem uma agenda mais tranquila e bastante tempo para se recuperar.

2. Quem deve organizar?
Essa, sem dúvida, é uma missão das madrinhas e, claro, tem que ter muita surpresa sobre o que vai acontecer no dia. Nada de spoiler! A ideia de ter as amigas mais íntimas é justamente por ser um time de pessoas que conhecem a noiva e vão saber pensar em uma festa com coisas que ela gosta e deseja, sem causar constrangimentos ou situações embaraçosas. Portanto, madrinhas, assumam essa missão e convoquem a dedo a mulherada. Só acerte com a noiva o dia possível e, de resto, guardem segredo.

3. O que deve ter? E o que servir?
Como disse acima, a festa de Despedida de Solteira tem que ter a cara da noiva, com coisas que ela gosta e só as amigas são capazes de saber disso. A escolha da “atração” e dos “comes e bebes” (na verdade, mais bebes que comes)  vai depender do perfil da noiva. Então, não adiantar contratar um macho lindo para ficar pelado se a noiva for do tipo recatada. E se a noiva não bebe, terás uma maior moderação no álcool. A noite é da noiva e tudo deve ser pensando para a sua diversão e bem estar, sem saia justa. De qualquer forma, é importante pensar em uma comidinha para forrar o estômago em meio a tanta bebedeira, mesmo que a festa seja em um local público, como bar, boite, show etc. Vale pensar em um “esquente” em algum lugar antes de enfiar o “pé na jaca”.

Posto isso, agora posso dar boas ideias de temas. Hoje em dia as despedias estão ficando cada vez mais sofisticadas, com direito a viagens fora do país, aluguel de lanchas e muita personalização de itens (copos, roupas, camisas etc). Mas, nem sempre dá, né? Nem para as convidadas, muito menos a pobre da noiva, que já está gastando com a festa de casamento. Por isso, acho até que o título desse post poderia ser “5 temas de Despedida de Solteira para sair da mesmice”. Afinal, vamos deixar de lado a decoração rosa e preto, as imagens de homens pelados e docinhos fálicos. Nada disso faz uma despedida animada. Acreditem em mim. Vou te ajudar com uma boa dose de criatividade.

Uma boa dica para pensar em um tema: lembrem de momentos que a noiva viveu junto com as amigas, uma viagem inesquecível que ela fez, um gosto por uma cultura (japonesa, italiana, mexicana) ou estilo musical (uma noite de funk…ou samba…ou rock), um desejo que ela gostaria de realizar (saltar de paraquedas…sei lá…rsrsrsrsrs) etc. Tudo isso pode ajudar a pensar num tema que vai ter a cara dela. Mas, para as amigas indecisas, trago 5 bons temas para vocês:

**TEMA 01: CABARÉ**
Sou suspeita a falar desse tema, pois já fiz uma despedida de solteira para uma grande amiga e foi um sucesso, nunca esquecido pela noiva e amigas. Monta um cabaré com o nome da noiva e escolhe uma paleta de cores estilo “A Casa da Luz Vermelha”: “Cabaré da Paula”, “Cabaré da Marcinha”, “Cabaré de Mimi”….usa o nome de guerra! A decoração não é complicada. Use marabús (se não sabe o que é veja aqui) nas cores – saem bem baratinho em armarinho (abuse do vermelho e preto). Compra celofane vermelho e coloca em lâmpadas e abajures no local da festa (que pode ser o apartamento de alguma solteira amiga), deixando o ambiente meia luz. Vale incluir umas penas sintéticas, também, que podem ser usadas para fazer tiaras para as convidadas (lembrando sempre de fazer uma diferente para a noiva). Para comer, petiscos já prontos, como salgadinhos assados ou fritos ou uma tábua de queijos e frutas. Na bebida e atração, vale investir num barman bonitão que sirva muitos drinks esquisitos e loucos.

**TEMA 02 :: NOITE CALIENTE**
Esse tema é para aquelas noivas que tem um pé na latinidade caliente, com a tequila correndo no sangue. Também rolou na despedida de uma amiga, a qual eu era madrinha. Super produção e muita animação. É uma decoração colorida, que você pode abusar de tecidos baratos, como chita, flores de crepom, pimentas, caveiras mexicanas e elementos como cactus, chapéu mexicano, maracás etc – que você pode imprimir e em diversos tamanhos para decorar a parede e a mesa (em vasos com palito de churrasco, por exemplo). Vale fazer tiaras de flores, estilo Frida Kahlo, com flores de plástico (faz uma toda branca para a noiva…fica mara!). Para beber e comer, uns tacos, nachos, guacamoles e muita tequila! Para animar, invista em um professor de salsa que possa ensinar passinhos para a mulherada e deixar a noite alto astral.

**TEMA 03 :: TOUR EM BARES**
Se a noiva for do tipo “butequeira”, nada melhor que escolher uma despedida com roteiro nos bares que ela gosta. Aí fora chamam de “Pub Crawl“, ou em bom português “Maratona de Bares”. É um pouco mais caro que os temas acima, mas se formar uma boa turma, faz sucesso nas baladas e dividindo os custos, ficando bom para todo mundo. O ideal é escolher entre 3-4 bares e no final acabar a noite em uma boite ou show. Tudo isso com muita segurança: aluga uma van para ficar à disposição da mulherada, enche ela de luz de led, pisca-pisca (hoje tem uns à pilha bem baratinhos) e um isopor com água e kits anti-ressaca para hidratar e se recuperar a cada trajeto entre um bar e outro. Se tiver uma madrinha bem comunicativa na parada vale escolher os bares, ir lá antes para conversar com o gerente, reservar a mesa e barganhar descontos ou brindes especiais (como porções de petiscos e drinks…ou até oferecer drinks especiais para a noiva, tipo welcome drink). Para ela, claro, tem que ter uma faixa branca escrita “Noiva Pinguça” para ser o centro das atenções.

**TEMA 04 :: CARNAVAL DE RUA**
Sabe aquela noiva “micareteira” que nunca perdeu um show de axé e sempre estava com a programação do próximo carnaval definida na quarta-feira de cinzas? Esse tema é para ela. Para decorar, fitas coloridas e máscaras de papel no teto, para dar um clima mais colorido, na parede fitas de crepom e muita serpentina em vasinhos transparente, com penas e flores de crepom. No chão vale espelhar isopor com as bebidas e placas feitas à mão, em papelão, com “Piriguete 1 Real”, “5 piriguete por 10”, esses dizeres maravilhosos. Prepara uma playlist com os clássicos do carnaval (da Bahia, de Recife, do Rio…seja lá de onde for). Para comer, petiscos de rua, como cachorro quente, pipoca e pastel (aquilo que quebra o galho na folia) e, se sobrar uma graninha, contrata um professor de dança de academia (aqueles tipo fit dance) para ensinar as coreografias para a mulherada, que vão estar muito animadas depois de muito axé.

**TEMA 05 :: POOL PARTY OU PÉ NA AREIA**
Para uma festa de dia, que tal algo na beira da piscina ou praia? Se tiver uma amiga com uma casa de praia sobrando, vale até um fim de semana bem animado, com festa durante o dia e retorno para a casa no dia seguinte – com direito a resenhas no café da manhã. Por ser uma festa de dia, acaba sendo uma festa mais longa, o que significa mais bebida e comida. O churrasco – desde que tenha uma boa churrasqueira para cuidar – ou feijoada (que pode ser comprada pronta com alguém de confiança), são boas pedidas. Para decorar, abusa de bóias, flores artificiais, leques de papel e palhas (chapéu, esteiras etc). Também é legal ter uma pessoa para preparar bons drinks, que pode ser o barman bonitão ou uma bargirl (para guardar segredo…rsrsrsrsrs…). Para as noivinhas saidinhas, quem sabe uma surpresa com garçons bonitões servindo drinks de sunga!? Uia!!!!!

Claro, só são ideias. Aliás, boas ideias para diferentes tipos de bolsos e estilos. O que vale, no final, é fazer a alegria da futura “senhora casada” e ter esse momento “Luluzinha” com as amigas. Espero que tenham gostado. Ainda voltaremos com mais dicas sobre esse tema!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s